R.do Catete, 183, SL106 - Catete, Rio de Janeiro - RJ, 22220-001
  • (21) 2558-1741
  • (21) 2533-2881

Ações trabalhistas envolvendo Covid-19 já somam 14,3 mil na Justiça

DATA: 03/09/2020

Um levantamento realizado pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST) aponta que mais de de 14 mil brasileiros já deram entrada em ações relacionadas à pandemia do coronavírus. Até julho haviam sido registradas 14.286 ações trabalhistas com o assunto Covid-19.

De acordo com o levantamento, nesses processos, trabalhadores pedem liberação do FGTS e aviso prévio, por exemplo. O número, no entanto, representa menos de 2% do total de ações lançadas nas Varas de Trabalho até o mesmo mês, de 851.302.

Em janeiro, já havia 164 ações nas Varas de Trabalho relacionadas à Covid-19. Mas o salto se deu em abril e maio, com 2.559 e 4.260 processos, respectivamente.

Enquanto o número total de ações em primeira instância diminuiu 25,7% em abril na comparação com março, os pedidos relacionados à doença tiveram alta de quase 331%. Já entre abril e maio, o aumento de ações com o tema Covid-10 foi de 66,5%, bem acima da alta no número total de ações, que ficou perto de 1%.

A partir de junho, o número de novos casos relacionados à doença começou a recuar e, entre junho e julho, a queda foi de quase 43%.

SC e RS lideram ações

As Regiões Judiciárias com maior número de ações relacionadas ao coronavírus são Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Esses dados coincidem com o grande número de casos de Covid-19 em frigoríficos nos dois estados, que concentram quase metade dos trabalhadores nesses estabelecimentos no país.

De acordo com o levantamento, os setores da indústria, comércio e transporte registraram o maior número de reclamações trabalhistas, respondendo a 40,7% do total.

Veja os casos novos nas Varas de Trabalho com o assunto Covid-19 por categoria econômica do empregador de janeiro a julho de 2020:

Indústria: 2.434
Comércio: 1.768
Transporte: 1.616
Serviços diversos: 1.389
Turismo, Hospitalidade e Alimentação: 1.163
Administração Pública: 583
Seguridade Social: 571
Comunicações: 475
Sistema financeiro: 430
Educação, Cultura e Lazer: 322
Empresas de Processamento de Dados: 168
Serviços Domésticos: 118
Serviços Urbanos: 114
Agropecuária, Extração Vegetal e Pesca: 98
Outros: 3.037

Assuntos mais frequentes

Entre os assuntos mais frequentes nas reclamações trabalhistas, liberação do FGTS, aviso prévio e a multa de 40% do Fundo de Garantia lideram o ranking.

Veja os 10 assuntos mais frequentes nos casos novos nas Varas do Trabalho que possuem o assunto Covid-19 de janeiro a julho de 2020:

FGTS - levantamento/liberação: 2.850 processos (19,95%)
Aviso prévio: 2.730 processos (19,11%)
Multa de 40% do FGTS:2.664 processos (18,65%)
Multa do Artigo 477 da CLT: 1.947 processos (13,63%)
Férias proporcionais: 1.893 processos (13,25%)
13º salário proporcional: 1.684 processos (11,79%)
Multa do Artigo 467 da CLT: 1.666 processos (11,66%)
FGTS - depósito/diferença de recolhimento: 1.538 processos (10,77%)
Verbas rescisórias: 1.405 processos (9,83%)
Levantamento do FGTS: 1.319 processos (9,23%)

Fonte: G1

Compartilhar: